20 de fevereiro de 2017

O QUARTO DA MINHA FILHA


Aqui vai, atrasadíssimo, o desenho correspondente ao dia 6 de Fevereiro do "A Drawing a Day": "room". Aproveitei um momento raro em que o quarto ao lado do meu estava arrumado e deitei mãos à obra:




Não foi fácil desenhar de tão perto uma cama de dossel, que equivale a encaixar um cubo enorme, feito apenas de arestas, num outro cubo (o quarto) com outras tantas linhas. Mas lá dá para ter uma ideia...

Pergunto-me quanto mais tempo este quarto estará assim, habitado e iluminado pela presença tão vibrante como caótica da sua ocupante. Uma parte da mãe que sou deseja que assim continue por muitos anos; outra parte sabe que isso nem sempre é bom sinal. Felizmente, a decisão não é minha. O quarto, esse, será sempre dela. É o quarto a que poderá sempre regressar.

12 comentários:

  1. O quarto é lindo e mimoso, e o desenho é maravilhoso! E... é o quarto dela:):) Beijinho enorme.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Obrigada, querida Manela!
      Outro beijinho para ti

      Eliminar
  2. Quarto lindo. Para mãe (atrevo-me a dizer) será sempre o quarto da sua princesa :)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Pois é, Joana. Para nós os filhos são sempre o que foram um dia: só nossos...

      Eliminar
  3. Ya te he dicho varias veces que tienes un gran sentido de la perspectiva. Aquí una vez más lo demuestras con este dibujo. Está muy bien realizado, dentro de la complejidad de poner un cubo dentro de otro. Con todos los elementos de una habitación de una señorita. Perfecta. Vaya habitación!! Tu hija estará como una reina!
    Un abrazo.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Fico muito feliz que lhe agrade o desenho, Joshemari. Sim, a minha filha é mimalha q.b., e entre princesa e rainha, está algures por ali, nem sempre ciente do que isso implica... ;)
      Um abraço amigo

      Eliminar
  4. Os quartos dos filhos... Serão para sempre deles! Acho o quarto mesmo amoroso Miú. De muito bom gosto. Beijinho.

    ResponderEliminar
  5. O quarto é encantador! Neste momento o quarto de uma das minhas filhas está vazio à espera dos seus regressos a casa nas férias da faculdade. Tenho uma saudade enorme dela aqui em casa. Por isso só posso desejar que aproveites bem estes tempos que ainda duram aí por casa Miú. Um bjn! (E adorei a aguarela como sempre! Adoro todas sempre, na verdade :))

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Quando saem de casa, os filhos deixam um enorme vazio, uma espécie de eco, não é? A minha já esteve fora e já voltou... E é verdade que a casa fica outra com ela!
      Muito obrigada, Paula. :)

      Eliminar
  6. Olá Miú, adorei este desenho do quarto da tua filha! tão romântico,clássico e feminino! olha, o das minhas filhas há 3 anos que está vazio, e que saudades quando passo à porta, geralmente encostada. Ainda espreito,nem sei bem porquê! beijinho.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Olá, querida Val, há quanto tempo!
      Fico muito feliz que tenhas gostado do desenho. Pois, as tuas filhas já largaram o ninho... É a lei da vida. Custa-nos muito, sim, mas é para o bem delas. Foi afinal o que nós próprias fizemos também, ao largarmos a casa dos nossos pais...
      Um grande beijinho

      Eliminar