13 de agosto de 2018

AINDA NO EXTREMO SUDOESTE


Fiz um segundo desenho na Praia do Castelejo, desta vez voltada para sul, onde surgem falésias magníficas, de uma altura impressionante. O caminho de acesso provoca vertigens, é certo, mas felizmente não por se tratar de um estradão. É uma estrada muito estreita e sem rails, mas asfaltada, o que sossega um pouco naquelas curvas cegas em que apenas passa um carro de cada vez. Lá em baixo, a praia estende-se num areal extenso e imaculado. E, a abraçá-lo, aquelas paredes de pedra, altíssimas, imponentes…


A aguarela, como se vê, saiu-me pontilhista. Aqui deixo os registos do desenho e da desenhadora no local:


9 de agosto de 2018

PRAIA DO CASTELEJO


Outra descoberta junto a Sagres: uma praia deslumbrante, rodeada de altas falésias e de um imenso areal quase branco. O mar estava encrespado, óptimo para o windsurf (que eu, medrosa que sou, não me vejo a praticar em encarnação alguma, eheh). Fica já na costa oeste, um pouco acima do Cabo de S. Vicente. No meio das ondas erguem-se rochas enormes, mesmo boas para desenhar: 

O desenho no local foi rápido e saiu-me assim, com muitos risquinhos a marcar as sombras dos rochedos:
E eu que achava que já não gostava de praia!... Foi uma manhã plena e perfeita.

7 de agosto de 2018

PRAIA DO MARTINHAL


No Norte, onde vivo, as praias não têm as falésias tão características do Sul. Lá em cima, há dunas. Dunas de areia fina, mas escarpas, não. Daí, talvez, o meu encantamento pelos areais recortados e emoldurados por estas paredes abruptas. A Praia do Martinhal, junto a Sagres, é assim. E foi assim que a registei:

Apaixonei-me por esta areia clara, pelos tons queimados da arriba, pelas baías que se adivinham avançando de barco -- como aquele barquinho a remos que passa, ao longe -- e pela escassez de pessoas, mesmo em Agosto, mesmo em dias tão soalheiros e calmos como o de ontem. Uma família chega, entretanto, monta o guarda-sol, estende toalhas, descalça-se e avança logo para a água límpida e fresca. E eu acabo o meu esboço, pensando em como é bom estar aqui: